Wednesday, July 18, 2007

A MATERIALIDADE DA ANÁLISE FÍLMICA

O Gabinete do Dr Caligari

M, o Vampiro de Düsseldorf


A armadilha consiste em "ler" num filme toda a sociedade e a história do tempo, presentes, passadas e principalmente futuras - quantas análises de Gabinete do Doutor Galigari, ou de M, o Vampiro de Düsseldorf dão a entender que seus autores haviam predito Hitler e o Nazismo... Interpretação retroativa que convém temperar e atribuir bem mais à intenção do analista do que à da obra ou do autor. A não ser que nos deixemos conduzir pelos supostos poderes mágicos da sétima arte: nesse caso, o analista corre muito o risco de não passar de um cinéfilo...

4 Comments:

Blogger Moacy Cirne said...

Acredito que sua observação é pertinente, meu caro. De qualquer maneira, é um assunto (que envolve a relação com o momento histórico) para ser visto com o necessário olhar crítico. E você levantou,com propriedade, um ponto a ser discutido. Um abraço.

8:24 AM  
Blogger Demonarch said...

Existe sempre sentido por trás do sentido, disse Christian Metz. Cabe ao analista fazer os sentidos se agitarem, correndo o risco de neles se perder.

9:09 AM  
Blogger Marcus David said...

Teu blog é incrível. Quero assistir todos esses filmes aqui!!

4:46 PM  
Blogger Mara Liz said...

e o sentido é o nos move e o que nos paralisa também...

e quero mais posters assim, porque a indústria os abandonou? :-{

3:28 AM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home